Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK

Mitos e verdades sobre a hipnose que você não conhecia

03/04/2020 às 12:25 Hipnose

Mitos e verdades sobre a hipnose que você não conhecia

Saiba o que é mentira e o que é verdade sobre a hipnose, que se tornou a sensação do momento

Quando o assunto é hipnose, nossa curiosidade pode ficar bem aguçada, certo? Afinal, existem muitas dúvidas a respeito dessa técnica, que é cada vez mais usada para amenizar as dores crônicas no corpo e acabar com diversos distúrbios emocionais.

Através deste post, você vai conhecer os mitos e as verdades sobre a hipnose, que nem sequer imaginava.

Um pouco mais de informação sobre esse tema tão importante, é sempre bem-vindo. Leia até o final e se surpreenda com o que preparamos.

A hipnose trata doenças?

Verdade. Principalmente as de ordem emocional como estresse, ansiedade, depressão, dificuldade de aprendizagem, vícios e outros, que tanto atrapalham a vida social e pessoal de uma pessoa.

Um indivíduo que sofre algum tipo de problema psicológico acaba sucumbindo ao isolamento social, o que traz diversos malefícios para a sua saúde física também, causando um estresse diário.

A hipnose consegue tratar esses males, de uma forma muito assertiva.

 

A hipnose muda os valores de uma pessoa?

Mito. Mesmo que a pessoa tenha se submetido às diversas sessões de hipnose, é impossível mudar os valores morais e éticos da mesma.

Vale lembrar que a hipnose auxilia no controle das emoções e sentimentos que estejam atrapalhando a vida do cliente.

Durante o transe, o hipnoterapeuta dá sugestões para que aconteçam mudanças positivas no comportamento do cliente no dia a dia.

Mas não existe nenhuma alteração nos valores pessoais de cada pessoa, independente de quantas sessões de hipnose ela venha a fazer.

A hipnose faz o cliente dormir?

Mito. Durante as sessões de hipnose, o paciente entra em um estado de relaxamento profundo, o que passa a impressão dele estar dormindo.

Mas a pessoa fica completamente consciente, mesmo que esteja em transe e não pareça. Dormir durante a hipnose não faz o menor sentido.

Como a hipnose trabalha com o inconsciente de uma pessoa, ela pode passar a falsa impressão da mesma ter pegado no sono, por causa do seu profundo estado de relaxamento.

É praticamente impossível praticar hipnose com uma pessoa em sono profundo.

A hipnose acelera os tratamentos? 

Verdade. Ela serve com um propulsor quando usada em conjunto com outras intervenções terapêuticas, ou até mesmo sozinha.

A hipnose, em muitos casos, reduz drasticamente o tempo de tratamento de um distúrbio emocional, por exemplo, maximizando os resultados.

Até mesmo problemas físicos como as dores crônicas, podem ser amenizadas com a hipnose clínica.

Com poucas sessões, já é possível notar uma grande diferença no nível das dores, que tanto incomodam as pessoas. Em muitos casos, essa técnica é a primeira opção de tratamento.

Quer saber mais sobre como a hipnose está ajudando a medicina?

Leia esse nosso artigo: hipnose para dor crônica e hipnose para dentistas.

A hipnose revive outras vidas passadas?

Mito e verdade. Trata-se de uma questão delicada, pelo menos para muitas pessoas, pois tudo vai depender das crenças de cada um que é submetido às sessões de hipnose.

O que não se pode negar é o transe permite o acesso às memórias particulares de cada indivíduo.

Neste contexto o cliente pode lembrar de eventos passados e até mesmo fatos da sua infância.

A hipnose impede o livre arbítrio de uma pessoa?

Mito. Nenhum indivíduo que está sendo hipnotizado fará aquilo que geralmente não faria.

Dessa forma, o livre arbítrio do paciente permanece mesmo durante o transe hipnótico, por mais que não pareça. Isso é algo intocável e inatingível, no processo de hipnose.  

Na verdade, a hipnoterapia permite que aconteça uma ausência de preconceitos, questionamentos e críticas da nossa mente, mas não interfere em nada nos valores morais e éticos da pessoa.

Qualquer tipo de atitude seja imoral ou degradante, pode muito bem ser recusada pelo paciente.

A hipnose pode nos aprisionar?

Mito. Quando entramos em um transe hipnótico profundo, o máximo que pode acontecer é ficarmos alheios a tudo que acontece ao nosso redor, se caso o hipnoterapeuta interromper as instruções.

Mas se isso ocorrer, em pouco tempo, o cliente retorna do transe naturalmente.

O fato é que a hipnose não prende o indivíduo a nenhum local e não o leva para nenhum ambiente desconhecido.

A hipnose simplesmente permite que a pessoa reviva e vivencie novas e agradáveis experiências sem sair do seu estado normal de consciência.

A hipnose permite o autoconhecimento?

Verdade. Essa técnica permite nos conhecermos melhor, aumentar a nossa confiança, a ressignificar emoções e sentimentos, a lidar com crenças limitantes.

Além disso, é possível acreditar mais em todo o nosso potencial.

Durante o transe, a pessoa acaba experimentando sensações diferentes e extremamente marcantes, além de um bem-estar que pode ser indescritível, na maioria dos casos.

O autoconhecimento é um dos pontos fortes do processo de hipnose.

O IBND vai te ensinar hipnose clínica

Agora que você conheceu os principais mitos e verdades sobre a hipnose, que tal investir um dos cursos ministrados pelo IBND?

Em nossa instituição, você conta com profissionais com larga experiência no mundo da hipnose e PNL, além de ser altamente competentes.

Se voce tem interesse em fazer um curso em hipnose venha para o IBND.

Conte sempre com a gente!


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 10 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 15 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®