Conheça os quatro pilares da PNL

17/09/2021 às 20:23 PNL

Conheça os quatro pilares da PNL

Uma técnica diversa para encontrar o caminho até a vida que vale a pena se viver, a programação neurolinguística atua a partir de pilares. Você sabe como esses pilares influenciam o pensamento na PNL? Veja abaixo!

O que é PNL?

A programação neurolinguística se motiva à aprendizagem de como pensar e comunicar-se de forma mais eficiente consigo mesmo e com os outros.

Assim, a PNL é composta de um componente neurológico (neuro), ou seja, se baseia na ideia de que experimentamos o mundo através de nossos sentidos, os quais se traduzem em informações sensoriais processadas pelo raciocínio consciente e inconsciente. A PNL também possui um componente linguístico, dedicando-se ao modo como seres humanos utilizam a linguagem para interpretar o mundo, capturar e conceituar essa experiência para comunicar-se com os outros. A palavra "programação" descreve a teoria da aprendizagem e direciona a forma como codificamos ou representamos mentalmente essas experiências. Assim, a PNL mostra aos indivíduos interessados em ampliar sua qualidade de vida, como recodificar as experiências e organizar um programa interno para alcançar os objetivos que desejam.

Os quatro pilares da PNL

A PNL possui quatro principais pilares: rapport, conhecimento sensorial, resultado e flexibilidade comportamental. Veja cada um deles com detalhes abaixo:

Rapport

O rapport é o modo de construir o relacionamento com outros e consigo mesmo, uma das ferramentas mais importantes oferecidas pela PNL. Existe uma grande ligação entre rapport, empatia, relacionamento harmonioso e compreensão, assim, é uma forma de construir a interação de modo que seja benéfica tanto para o practitioner, quanto para a pessoa que está vivenciando o processo.

Conhecimento sensorial

A PNL parte do pressuposto de que nossas vidas ficam mais ricas quanto prestamos atenção com todos os nossos sentidos. Assim, as percepções sensoriais podem contribuir ou atrapalhar um processo de crescimento e mudanças pessoais e o que vale é experimentar para entender quais estímulos funcionam para cada pessoa.

Resultado

O resultado significa começar a pensar no que se quer ao invés de ficar presa às formas negativas do problema. Assim, a PNL tem uma abordagem positiva que pode ajudá-lo a tomar decisões e fazer melhores escolhas, seja em um programa de final de semana ou um projeto importante para encontrar o propósito real para sua vida.

Flexibilidade comportamental

A flexibilidade comportamental diz respeito a fazer algo de forma diferente quando o que se costuma fazer não funciona mais. A flexibilidade é a chave para praticar a PNL, que contribui para encontrar novas perspectivas e construir novo repertório comportamental.

O feedback

Dessa forma, nessa jornada de desenvolvimento pessoal, a PNL utiliza esses pilares para entender algumas fases deste caminho. A PNL não vê, por exemplo, erros como falhas, mas respostas advindas de experiências que podem ser frustrantes.

Assim, o feedback procura ser associado ao recebimento da informação ou fato de conseguir uma resposta de outra pessoa, sendo o resultado ou a consequência que se pode obter de uma situação específica, já que preocupar-se com o erro mantém o indivíduo mais focado no passado e os problemas, ao invés de examinar os resultados, mesmo quando eles não forem agradáveis, pois sabe que consegue seguir em frente mesmo assim.

O indivíduo deve focar no que almeja alcançar, no que conseguiu até aqui e quais resultados alcançou para validar a sua jornada. Além disso, avaliar quais lições têm sido aprendidas, como é possível direcioná-las positivamente e atualizar a medida do próprio sucesso ajuda a recuperar-se e tentar outra vez quando as respostas não são agradáveis.

Faça algo diferente

Outra máxima da PNL é: "se o que você está fazendo não funciona, faça algo diferente". A proposição é bem simples e significa uma modificação do comportamento. É preciso reconhecer quando uma estratégia não está funcionando e escolher não ficar batendo a cabeça na parede ou perder tempo lamentando. O melhor é parar para mudar a tática ou fazer algo que nunca foi feito antes. Além do mais, vale se questionar por que não está dando certo o que está fazendo, pois pode ajudar o comportamento se necessário. Cada indivíduo se comunica de forma diferente, alguns com tonalidades verbais diferentes, expressões faciais e corporais, e alterações fisiológicas se comparado a outros.

Os recursos necessários

A PNL tem uma visão positiva em geral, acreditando que as pessoas possuem todos os recursos necessários para alcançar os resultados desejados. Assim, todo comportamento seria voltado para essa finalidade de autoconhecimento e autorrealização. Assim, cada indivíduo se comporta de uma maneira diferente, e fatores como identidade, valores e crenças, habilidades e competências, comportamento e meio ambiente podem contribuir com recursos para chegar às metas e objetivos a que a pessoa se propõe.

Ademais, a PNL se concentra na conexão entre mente e corpo, sabendo que a linguagem dos fatos podem afetar a maneira como os experimentamos em nosso corpo e fisiologia. Por isso, os recursos também podem ser criados e pode-se incentivar o florescimento de habilidades.

Realização pessoal e modelagem na PNL

Muitos indivíduos podem se sentir perdidos no processo de mudança e realização pessoal, ficando atravancados entre as decisões a serem tomadas. Segundo a PNL, é melhor ter a opção de escolha do que não ter. A autonomia do indivíduo é vista como parte de uma vida saudável, exercitando o que é verdadeiro para o indivíduo em si e o modo como ele pode empregar suas características únicas no seu processo de crescimento pessoal.

Quando tudo o que os indivíduos precisam para se desenvolver é um exemplo, a modelagem na PNL entra para conduzir o indivíduo a novas possibilidades, novas formas de ser e de se comportar, ampliando os seus horizontes. Assim, aproveita o que a pessoa faz bem e pode duplicar essa habilidade, aumentando a efetividade e a motivação dos indivíduos nessa jornada.

E você, ficou interessado em se capacitar para promover equilíbrio e realização pessoal na sua vida e nas demais pessoas? Quer descobrir seu propósito de vida e utilizá-lo para ajudar outras pessoas?

Venha para o IBND! Aqui nós temos ferramentas para capacitar e levar você mais longe. Faça nosso curso de practitioner em PNL e veja os benefícios hoje mesmo!

Referência:

READY, R. & BURTON, K. Programação neurolinguística para leigos. Editora Alta Books. 2004.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK