Hipnose: Será que é mágica?

21/05/2020 às 10:52 Hipnose

Hipnose: Será que é mágica?

A hipnose tem se tornado cada vez mais conhecida, ganhando espaço até mesmo na mídia, por aparições recentes em programas de televisão, fora as centenas de conteúdos sobre o assunto espalhados pela internet, a cada dia a procura por curso de hipnose online tem sido maior.

Embora pareça algo novo para muita gente, a hipnose está presente na sociedade há séculos - antes mesmo de ter sido batizada com esse nome - e por muitos e muitos anos ela esteve associada a rituais religiosos e sobrenaturais dos povos antigos.

Com o passar do tempo, foi estudada, aprimorada e melhor compreendida até se tornar uma poderosa ferramenta terapêutica, a chamada hipnose clínica.

No ambiente clínico e terapêutico, tem sido utilizada para tratamentos de problemas emocionais como hipnose tratamento da depressão, pânico, e também para algumas doenças físicas de fundo emocional.

Atualmente, grandes áreas de conhecimento como a medicina tem usado a hipnose para dor crônica e neurociência já atestam a eficácia da hipnose como auxiliar em diversos tratamentos.

Por que a hipnose ainda é confundida com algo mágico e sobrenatural?

Isso se deve em parte ao uso da hipnose em shows de entretenimento, a chamada hipnose de palco. Durante muito tempo, a hipnose foi divulgada nos meios de comunicação apenas nessa vertente mais lúdica e de entretenimento.

Quem nunca assistiu a um conteúdo na televisão ou internet e ficou perplexo ao ver alguém, sob efeito de hipnose, chupar limão como se fosse algo delicioso, morder cebola achando que era maçã, imitar galinha e outras coisas engraçadas e totalmente fora de senso?

Pois é, muita gente tem essa impressão de que a hipnose é algo mágico que possibilita manipular as pessoas. Mas aí surge outra pergunta:

Hipnose é manipulação?

A crença nessa possibilidade é o que assusta e afasta muita gente de ter contato com a hipnose e seu benefícios. Mas fique tranquilo (a): Hipnose não é manipulação. Isso é só um mito, alimentado pela forma como a hipnose é mostrada e divulgada em alguns meios.

Por exemplo, em uma série exibida atualmente chamada The Mentalist, o personagem principal, Patrick Jane, parece fazer o que bem entende com suspeitos investigados pela polícia, colocando-os em transe em qualquer situação, de forma quase instantânea.

Realmente parece algo mágico e sobrenatural! A partir dessas intervenções, o personagem consegue articular uma série de artimanhas para ajudar na investigação dos crimes.

Essa e outras produções de entretenimento somadas ao pouco conhecimento que as pessoas têm sobre o assunto só alimentam ainda mais os mitos sobre como a hipnose funciona.

Então, que tal desfazermos alguns desses mitos?

A hipnose é mágica?

Não, a hipnose é realmente uma técnica que para ser aprendida exige dedicação e estudo. Para ser bem conduzido, um processo de transe hipnótico precisa ser feito com responsabilidade e conhecimento.

Portanto, se quiser aprender a hipnotizar alguém, estude, faça uma formação em hipnose para se qualificar.

A pessoa fica inconsciente e manipulável durante o transe?

A hipnose não deixa ninguém em estado de inconsciência. Pelo contrário, a hipnose promove um estado de consciência ampliada.

A pessoa hipnotizada fica em um estado de concentração muito elevado, porém, ao invés de focar em algo externo, a pessoa fica completamente concentrada, com atenção plena em sua experiência interna.

Acontece também uma diminuição do chamado fator crítico. É por isso que a pessoa faz coisas que normalmente não faria, porque ela se critica menos, mas isso não significa que ela não tenha o direito ou condições de negar ou interromper o processo.

Em transe, o sujeito recebe uma série de sugestões e escolhe segui-las ou não. Esse estado de profunda concentração permite que a pessoa acesse questões emocionais difíceis para resolvê-las com a ajuda e as instruções do hipnoterapeuta.

Em suma, se um problema é criado na mente, ele pode ser resolvido na mente e a hipnose é a chave para isso.

A pessoa dorme quando está hipnotizada?

Mito. A pessoa não está dormindo. Durante muito tempo acreditou-se que a hipnose era um tipo de sono profundo, tanto que até o próprio termo “hipnose” faz alusão a esse sono.

Porém, com o tempo, à medida que pessoas que já tinham vivenciado o transe relatavam que conseguiam ouvir tudo e estavam conscientes durante todo o processo, essa crença foi descartada.

Ainda assim, o nome hipnose continuou a ser usado, porque já tinha se consagrado. Mas que fique bem claro: A pessoa não está dormindo durante o transe.

É preciso ter algum tipo de dom especial para hipnotizar alguém?

Mesmo sem admitir, muitas pessoas acham que, para hipnotizar, alguém é preciso ter algum tipo de dom especial. Isso se deve a tudo que já comentamos anteriormente, como o fato de a hipnose ser vista como algo sobrenatural.

Na verdade, o processo de hipnotizar uma pessoa é pura técnica que pode ser aprendida em um curso de hipnose por qualquer pessoa.

Porém é importante ressaltar que no processo de hipnose não é o hipnotista que faz todo o trabalho sozinho, mas depende também da vontade da pessoa que está sendo hipnotizada. Se o sujeito não quer ser hipnotizado, ele não vai ser.

Uma carreira promissora

A hipnose está ganhando cada vez mais espaço como profissão. Hoje em dia, ser um hipnotista ou hipnoterapeuta pode ser uma carreira promissora, bem remunerada e que tem grande importância social, pois muitas pessoas têm se beneficiado desse tipo de terapia e encontrado caminhos para viver uma vida mais plena e feliz, livrando-se de traumas, depressão, pânico e tantos outros problemas que já comentamos anteriormente.

Além do uso como entretenimento em shows. Diante disso, talvez você esteja se perguntando:

Como aprender a utilizar a hipnose de maneira profissional?

Para aprender e dominar a técnica da hipnose, seja para uso em shows de entretenimento ou para se tornar um terapeuta, é muito importante que você faça um curso confiável e que te ensine as técnicas na prática.

Há muitos conteúdos soltos na internet que podem te dar uma noção, mas se quiser aprender de maneira profissional, é importante que você encontre e faça um curso completo até o final.

Como aprender hipnose em tempos de quarentena?

Mesmo em tempos tão complicados, em que está difícil sair de casa para fazer um curso presencial, existe a possibilidade de você fazer a formação em hipnose totalmente online, tirar suas dúvidas com o professor e a equipe pedagógica e receber certificado reconhecido ao final do curso.

Mas para isso, é importante fazer um curso confiável.

Que tal aprender hipnose de verdade?

Se você quer aprender hipnose de verdade ou um curso de PNL, uma excelente dica é conhecer o IBND.

Com um conteúdo diferenciado, sendo a única formação em hipnose clínica que combina a técnica da Regressão com a programação Neurolinguística, traz um método eficaz e comprovado de uso da hipnose principalmente para terapia e autoconhecimento.

Ficou interessado em saber mais? Entre em contato com um dos nossos consultores. Comece agora mesmo a mergulhar no fascinante mundo da hipnose.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 10 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 15 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®