Hipnose e fibromialgia

23/05/2021 às 16:50 Hipnose

Hipnose e fibromialgia

Pessoas com dores crônicas às vezes passam a vida inteira procurando tratamento adequado para seus sintomas, sem uma resolução eficaz. Vamos ver como a hipnose pode ajudar nesse caso.

O que é fibromialgia?

No dia 12 de maio se comemora o Dia da Conscientização da Fibromialgia, já que muitas pessoas não conhecem essa condição debilitante e muito menos sobre como lidar efetivamente com seus sintomas.

A palavra fibro (tecidos fibrosos como tendões e ligamentos) mi (músculos) algia (dor) se refere a uma condição chamada Síndrome de Fibromialgia, uma condição crônica e persistente. 1 a cada 50 pessoas podem desenvolver fibromialgia a qualquer momento da vida, e é 7 vezes mais comum em mulheres do que em homens. Na maioria dos casos, inicia-se por volta dos 25 a 55 anos.

A fibromialgia também é caracterizada pela dor músculo-esquelética generalizada, sono não restaurador, fadiga, prejuízo cognitivo, angústia e regiões específicas de sensibilidade localizada. A causa da fibromialgia ainda é desconhecida, embora estudos sugerem que mecanismos envolvidos no processamento disfuncional da dor estejam envolvidos.

Sintomas

Os sintomas principais são dores sentidas em diversas áreas do corpo e cansaço, embora pessoas relatam também outros sintomas. Os locais geralmente mais doloridos são pescoço e costas, e a severidade da dor pode variar de dia a dia. Fatores como estresse, temperatura fria e atividade podem piorar as dores, bem como após uma noite dormida, em que a pessoa pode acordar algumas horas com dor.

A fadiga é comum e algumas vezes severa, e para algumas pessoas é mais incapacitante do que a doença em si. As dores são mais comuns por volta da manhã, melhorando com o passar do dia. Os sintomas podem, ainda, ser:

  • dor muscular generalizada;
  • sensibilidade;
  • pontos-gatilho dolorosos;
  • problemas para dormir;
  • fadiga;
  • depressão.

Dor crônica

A dor crônica é considerada aquela dor que dura semanas ou anos. Pode ser causada por inflamações ou por disfunções nos nervos. O sintoma primário é uma dor persistente. Os principais pontos de dor são as costas, articulações, dor, face, músculos e ossos ou pescoço. As dores podem ser causadas por fatores psicológicos tais como depressão ou fobias, assim como a sensibilidade à dor.

Não é fácil viver com uma dor crônica e isso afeta muito a qualidade de vida do indivíduo. A improdutividade no trabalho, o desânimo e a irritabilidade podem estar presentes, além de outras comorbidades. A dor crônica geralmente é localizada e pode trazer problemas para os pacientes, que podem desenvolver tensão muscular, dificuldades de mobilidade, baixa de energia e perda de apetite. Além disso, a dor crônica pode mexer com o psicológico, fragilizando as emoções.

A hipnose, por exemplo, tem sido largamente utilizada para intervir em dor aguda ou crônica e geralmente tem sido reconhecida como uma das intervenções não farmacológicas. Grande interesse tem surgido sobre os efeitos da hipnose nos componentes sensoriais e afetivos da dor. Embora alguns estudos tenham resultados positivos, ainda é preciso esclarecer o tópico.

Hipnose no tratamento da fibromialgia

Uma série de estudos foram realizados na década de 90 sobre fibromialgia e intervenções que levam em consideração a relação mente e corpo, como a hipnose, a meditação e os exercícios de redução de estresse. Os resultados demonstram que intervenções psicológicas são mais eficazes que as medicamentosas, especialmente quando adicionado a hipnose, e a terapia cognitivo-comportamental foi a abordagem mais eficaz para essa combinação. Os estudos relatam que a hipnose reduz os sintomas da fibromialgia observados através do fluxo sanguíneo cerebral em pacientes com fibromialgia sobre estado de analgesia hipnótica. Foi observado que a hipnose reduz fortes sentimentos de dor física ou psíquica da fibromialgia. Esses pacientes tiveram melhorias no sono e menos fadiga durante o dia. Alguns estudos ainda precisam verificar os efeitos da hipnose sobre a depressão associada à fibromialgia e os níveis gerais de fadiga, mas estudos vêm crescendo na investigação da hipnose e no manejo da dor crônica.

Benefícios

O estado de relaxamento durante o transe tem demonstrado ser benéfico para pacientes com fibromialgia, mesmo quando comparado com o descanso. As sugestões hipnóticas podem reduzir significativamente a dor, bem como ter um controle sobre a dor, reportadas por participantes de estudos como sendo duradouros. Sugestões para aliviar o componente da dor, assim como buscar aliviar a não aceitação do indivíduo do medo dessa condição, separando o sensorial do sofrimento e focando na qualidade de vida através do autoconhecimento.

Em geral, a hipnose entra no tratamento da dor crônica na fibromialgia com o foco de melhorar a dor em geral, os sintomas relacionados ao sono e a fadiga. As sugestões para analgesia podem ser direcionadas tanto para o sensorial quanto para os componentes da dor. Busca-se facilitar o processo para que o cliente possa ver de forma diferente a sua experiência da dor.

Em geral, com a hipnoterapia, o indivíduo com dor crônica pode:

  • Experimentar menos dor e rigidez;
  • Dormir melhor e se sentir menos fadigado;
  • Sentir-se mais calmo e menos chateado com a sua condição;
  • Ser mais resiliente e capaz de enfrentar possíveis crises;
  • Ter uma melhor qualidade de vida em geral.

Mas é importante entender a dor, o seu significado e origem. Ao longo do processo isso pode ir ficando cada vez mais claro, através de uma linguagem que possa transmitir essa dor e esse sofrimento. Esse componente psicológico da dor pode estar querendo significar alguma coisa, comunicar algo com o consciente do indivíduo e através da hipnose essa comunicação pode se estabelecer, e fortalecer a resiliência do indivíduo.

E você, gostaria de saber mais sobre a hipnose e o tratamento da fibromialgia? Aprenda Hipnose Clínica sem sair de casa!

Terapeuta e hipnólogo, você busca uma ferramenta para potencializar os resultados com seus pacientes e, assim, gerar mais satisfação? Deseja ressignificar fobias e traumas? Quer utilizar os recursos da mente a seu favor? Faça nosso curso de hipnose online!

Referências:

NASH, M.R. & BARNIER, A.J. The Oxford handbook of hypnosis: theory, research and practice. Oxford University Press. 2008.

PICARD, P. et al. Hypnosis for management of fibromyalgia. Int. J. Clin. Exp. Hypnosis. 2013;61(1).

YAPKO, M.D. Essentials of Hypnosis. Editora Routledge. 2015.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK