Bloqueio criativo: o que é e como superá-lo de forma prática?

16/04/2022 às 20:37 Dicas

Bloqueio criativo: o que é e como superá-lo de forma prática?

Mesmo as mentes mais criativas e os profissionais mais experientes terão, dia ou outro, que lidar com o bloqueio criativo. 

Aquele sentimento de estar sem ideias ou acessar a criatividade é algo que afeta fortemente profissionais como músicos, pintores, escritores, fotógrafos e qualquer outra pessoa que realiza trabalhos criativos. 

Todavia, apesar desta inibição momentânea da produtividade ser comum, ela pode ser um pesadelo para quem atua com processos criativos. Isso porque, se não solucionado, este bloqueio pode comprometer o desempenho e a qualidade do produto final. 

Neste contexto, o que pode ser feito quando o bloqueio criativo parece se apoderar da nossa mente criativa? 

É sobre isso que vamos falar neste conteúdo do IBND (Instituto Brasileiro de Neurodesenvolvimento) para que você alcance a mais alta performance

Preparado? Vamos lá!

O processo de criação e o bloqueio criativo

Esqueça a ideia de que a criatividade é uma habilidade que nasce com certas pessoas. 

Todos nós nascemos com este dom e, quanto mais estímulos recebemos, mais desenvolvemos nossa capacidade de imaginação. 

Por isso, a criatividade pode ser favorecida ou prejudicada por fatores externos, como a família e o trabalho, por exemplo.

Porém, a criatividade também é um processo interno que depende da forma como enxergamos o mundo e da forma como absorvemos as informações ao nosso redor. Basicamente, o processo de criação passa por cinco etapas:

  • A pesquisa do tema (preparação)

  • A interiorização das informações (incubação) 

  • O surgimento das ideias (iluminação)

  • A escolha das ideias mais promissoras (validação)

  • A fase de botar a mão na massa (execução)

Os principais motivos do bloqueio criativo

Agora que você já sabe os estágios do processo de criação, fica mais fácil compreender o bloqueio criativo e como várias destas etapas são prejudicadas por fatores internos e externos. Vejamos, a seguir, alguns dos principais motivos para o bloqueio de ideias criativas e da produtividade no dia a dia

Insegurança 

Quando expectativas e capacidade produtiva não estão alinhadas abre-se um convite ao perfeccionismo excessivo, a falta de domínio no uso de algumas técnicas e o receio da opinião alheia. E todo este cenário pode gerar insegurança e interferir no seu processo criativo.

Cansaço

Noites mal dormidas, dificuldades na vida pessoal e/ou profissional, o comprometimento com mais tarefas do que realmente é possível realizar no dia a dia podem estar te levando ao esgotamento físico e mental, reduzindo a sua produtividade e impedindo que as ideias aflorem com facilidade. 

Desorganização

A falta de planejamento estratégico e a desorganização também são fatores que privilegiam o surgimento do bloqueio criativo. A desorganização pode gerar ansiedade e indecisão na hora de fazer escolhas, comprometendo o resultado final do seu trabalho. 

Vamos vencer os bloqueios criativos! 

Quando identificamos as possíveis causas do bloqueio criativo, torna-se muito mais fácil contornar o problema. Para superar de vez essa dificuldade. confira algumas dicas práticas: 

  • Reserve um tempo para descansar! Quando corpo e mente estão relaxados, nossa produtividade tende a aumentar. Por isso, organize sua rotina a fim de garantir noites bem dormidas. 

  • Faça uma pausa! Durante o bloqueio criativo, se possível, faça uma pausa e procure se distrair um pouco. Isso irá aliviar a pressão e recarregar as energias para que você volte ao trabalho. 

  • Busque por inspiração! Busque fazer algo que estimule sua criatividade e anote os insights que forem surgindo. Visite sites que te inspirem, folheie uma revista, assista a um filme, etc.

  • Cuide do seu ambiente de trabalho! Crie um espaço de trabalho agradável para realizar suas atividades criativas e mantenha o local sempre organizado e livre de bagunças. Lembre-se que as ideias sempre fluem melhor quando produzimos em um ambiente criativo e organizado.

  • Controle suas expectativas! Ao exigir a perfeição de si mesmo, você estará comprometendo seu desempenho. Por isso, procure sempre aperfeiçoar suas técnicas, mas nunca duvide do seu potencial. 

  • Leve uma vida mais saudável! A prática de exercícios físicos e uma alimentação balanceada proporcionam melhor qualidade de vida e estimulam a atividade cerebral, ajudando a combater sintomas da ansiedade e a fadiga mental.  

Gostou dessas dicas para superar o bloqueio criativo? Então não deixe de conhecer a formação em hipnose online do IBND!


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK