Soft skills: veja como desenvolver essas importantes habilidades

22/11/2021 às 19:04 Coaching

Soft skills: veja como desenvolver essas importantes habilidades

Ter formação técnica nem sempre leva o profissional às metas de sucesso pessoalmente estabelecidas. Você conhece as soft skills? Vem dar uma olhada em como elas podem turbinar seu desempenho!

O que são soft skills?

Soft skills é um termo em inglês utilizado para designar a capacidade de agir e concretizar algo de forma rápida e eficiente um determinado objetivo. Pode-se dizer que são as aptidões, o jeito e a destreza aplicados por cada pessoa em uma determinada tarefa. Assim, são competências que competem à personalidade e ao comportamento profissional de cada indivíduo. São aptidões mentais, sociais e emocionais, habilidades particulares e aprimoram-se de acordo com a cultura, experiência e educação de cada pessoa. Dessa forma, são competências transversais que estão sendo valorizadas por serem capazes de influenciar no desempenho de trabalho, retenção de planos e desenvolvimento, gestão de carreiras e benefícios e recompensas.

O que são hard skills?

Em contraposição, as hard skills são habilidades e competências técnicas que podem ser adquiridas por meio de uma formação profissional, acadêmica ou da experiência adquirida, mas incluem, ainda, os procedimentos administrativos relacionados com o âmbito de atividade da organização. São habilidades quantificadas e aprendidas de maneira simplista, tratando de conhecimentos aprendidos por leituras, trabalho ou sala de aula. Sua comprovação se dá por meio de diplomas, cursos e outros. Embora sejam habilidades fundamentais para atuar no mercado de trabalho, por si só não garantem que o indivíduo se torne um bom profissional ou líder. Dessa forma, pessoas podem ter muitas capacitações, mas não estarem pessoalmente preparadas para desempenhar determinadas funções, o que demonstra a importância das soft skills, especialmente para a qualidade de vida e senso de realização do profissional.

Histórico do conceito de soft skills

O conceito de soft skills foi introduzido por Robert Mertens sob a designação “competências-chave” (em inglês, key qualifications) que se refere às habilidades relacionadas com a comunicação, pensamento crítico, criatividade, empreendedorismo, resolução de problemas, além de serem traços de personalidade, objetivos, preferências e motivação para ações, ferramentas essenciais para atingir pleno potencial, assertividade e autoconfiança necessários para o sucesso.

Características das soft skills

São consideradas características das soft skills as habilidades de comunicação interpessoal, liderança e solução de problemas. São competências intrapessoais e interpessoais que determinam a capacidade de uma pessoa em ter um bom relacionamento com os outros e de destacar no mundo corporativo. Veja alguns exemplos de soft skills:

  1. Criatividade: está ligada à inovação, à capacidade de resolver problemas de formas inusitadas, o que destaca o profissional na competitividade do mercado; pessoas criativas tendem a estar mais preparados emocional e mentalmente para solucionar desafios, mesmo aqueles inusitados, por exemplo, driblando uma crise ou inventando uma solução previamente não pensada. É importante lembrar que a criatividade pode ser desenvolvida ao longo da vida.
  2. Empreendedorismo: o empreendedor é alguém que busca realizar ideias inovadoras partindo da congruência entre criatividade e imaginação, segundo o SEBRAE. Assim, essa mentalidade tem sido muito valorizada pois permite aos profissionais uma postura mais flexível, com ousadia para tornarem-se líderes de projetos com resultados.
  3. Persuasão: o modo como as ideias são expressas pode impactar nos resultados obtidos, por isso uma comunicação clara e lógica de informações contribui para a execução das tarefas. Ter facilidade para apresentar ideias e projetos, facilitar a comunicação entre outros clientes, colegas e gestores, todas podem contribuir para o destaque do profissional com soft skills.

As soft skills no trabalho

As habilidades soft desenvolvidas posteriormente facilitam a obtenção de resultados positivos em entrevistas de trabalho e contribuem para assegurar a posição na organização, assim como para tornar-se reconhecidos líderes organizacionais se assim o desejarem. Segundo o psicólogo Daniel Goleman, habilidades como resiliência, empatia, colaboração e comunicação são baseadas na inteligência emocional e distinguem profissionais incríveis da média.

Como as exigências por profissionais especializados têm crescido ao longo do tempo, busca-se características como comunicação, automotivação, trabalho em equipe e liderança, nas quais é fundamental ter soft skills desenvolvidas, somado a hábitos e características pessoais convincentes, que demonstram resultados imediatos e tangíveis que apontam para o sucesso.

As soft skills no dia a dia

Estas habilidades ou competências estão relacionadas à forma de interação social e como a pessoa se expressa e reage às fases de sua vida. Pode-se dizer que as soft skills são habilidades socioemocionais, consideradas pelo Banco Mundial como competências “para a vida”, necessárias para uma boa condução de existência e aplica-se a um leque de disciplinas aprendidas ao longo da vida, inclusive no ambiente familiar, na escola ou no ambiente de trabalho.

Como desenvolver soft skills?

Uma das formas de desenvolver as soft skills é através do autoconhecimento. Investir em conhecer a fundo a si próprio, suas capacidades e habilidades, características e defeitos, prazeres e insatisfações, a pessoa pode atualizar definições individuais de sucesso e trabalhar para isso. Além de identificar o que pode ajudá-la a se desenvolver como pessoa, um processo de autoconhecimento também leva a identificar os níveis de desenvolvimento de habilidades sociais e interpessoais, para que se possa criar novo repertório de comportamentos, abrindo-se para um novo aprendizado.

Outra forma de desenvolver tais habilidades pode ser em grupos de ensinos de competência que podem ser realizados na própria instituição ou organização de trabalho, onde oficinas de promoção de inteligência emocional podem impulsionar o desempenho das equipes.

E você, está buscando uma formação para promover melhor desempenho e sucesso na vida e profissional? O coaching pode te levar a lugares antes nunca imaginados!

O IBND oferece soluções personalizadas como nosso curso de coaching que podem contribuir para o seu sucesso profissional e pessoal. Em nossa instituição, cobramos um preço justo e priorizamos o seu aprendizado. Estamos te esperando!

Referências:

SGOBBI, T. & ZANQUIM, S.H. Soft skills: habilidades e competências profissionais requisitadas pelo mercado empreendedor. Núcleo do Conhecimento. 2020.

SILVA, B.X.F. et al. Soft skills: rumo ao sucesso no mundo profissional. Interface Tecnológica. 2020;17(1).


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK