O que é Neurociência?

03/05/2020 às 17:55 Coaching Dicas

O que é Neurociência?

A neurociência é uma área de conhecimento bastante rica, porém ainda são poucas as pessoas que sabem do que realmente isso se trata. Foi a neurociência que ajudou cientistas a entenderem o funcionamento do nosso sistema nervoso. Diversa em vários tipos, aqui neste artigo, você vai entender melhor do que se trata a neurociência.

O estudo do sistema nervoso e de suas funções, sua estrutura e seu desenvolvimento é o algo da neurociência. O foco central dessa área de conhecimento é o estudo sobre o cérebro, que é um sistema bastante complexo, prova disso é que apesar de muita pesquisa sobre o tema, a capacidade cerebral dos seres humanos ainda surpreende os estudiosos.

Neurociência: definição e conceito

A neurociência é a área de conhecimento que busca estudar o sistema nervoso, com foco em revelar a sua estrutura, o seu desenvolvimento e conseguir entender as possíveis alterações que ele enfrenta ao longo da vida de uma pessoa.

Pelo foco no estudo do sistema nervoso, esta ciência é bastante complexa e tem como base o estudo sobre três elementos, são eles: o cérebro, os nervos periféricos e a medula espinhal. Cada um deles compõe uma parte do sistema nervoso do nosso corpo e são responsáveis por coordenar as nossas atividades, sejam elas voluntárias ou involuntárias.

Principais campos da neurociência

Assim como outras áreas de conhecimento, a neurociência divide os seus estudos em campos específicos. Na neurociência, são cinco tipos, que representam pontos específicos do nosso sistema nervoso. Todos eles são analisados para que se possa entender o sistema nervoso por completo. Conheça cada um destes tipos abaixo:

Neurofisiologia

Esse campo da neurociência é responsável por investigar as ações desenvolvidas por diversas áreas do sistema nervoso. O foco da neurofisiologia está na relação entre o sistema central e periférico. Esse campo estuda bastante como acontece a geração dos impulsos nervosos do corpo humano.

Um dos focos do estudo desse campo são as doenças do sistema nervoso como o Parkinson e a esclerose múltipla, coisas que a neurofisiologia tenta entender como surgem e afetam os seres humanos.

Neuroanatomia

Esse campo da neurociência busca compreender a estrutura do sistema nervoso. Assim, ela divide o sistema em partes como o cérebro, a coluna vertebral e os nervos periféricos externos. Dessa forma, ela busca compreender cada parte, entender suas funções e nomeá-las.

O avanço das tecnologias ajudou bastante no desenvolvimento da neuroanatomia. Exames como a ressonância magnética, por exemplo, são fundamentais para os profissionais desse campo, ajudando a identificar traumas do sistema nervoso e a entender como eles surgem e se desenvolvem.

Neuropsicologia

Esse campo da neurociência estuda a interação entre os nervosos e as suas funções psíquicas. Muitos estudiosos ressaltam que a neuropsicologia é um meio termo entre a medicina e a psicologia.

A intenção é realizar analises neuropsicológicas que possam identificar problemas neurológicos. Assim, é possível entender como lesões cerebrais, por exemplo, podem surgir e se desenvolver. Doenças como o mal de Alzheimer e a epilepsia são alvos de estudo desse campo da neurociência.

Neurociência comportamental

Esse campo é ligado a psicologia comportamental e estuda o contato do organismo e fatores internos como pensamentos e emoções. Assim, o estudo da neurociência comportamental pode ajudar a compreender nossa forma de falar, nossa postura e os nossos gestos.

Com maior amplitude, esse campo da neurociência busca explicar os nossos processos mentais e desvendar os fatos que nos levam a praticar e repetir padrões de forma automática. A intenção é entender nossa capacidade motora em todos os âmbitos, como a cognição, a memória e a nossa personalidade.

Neurociência cognitiva

Como o nome já evidencia, a neurociência cognitiva é o campo da neurociência que busca estudar a nossa capacidade cognição, ou seja, entender como se forma o nosso raciocínio e como conseguimos aprender novos conhecimentos.

O foco principal da neurociência cognitiva visa compreender comportamentos como o aprendizado e a memória. Os estudos desse campo se baseiam em entender as nossas percepções e as nossas sensações.

Coaching e a Neurociência

Entre os campos da neurociência que mais se assemelham ao coaching, podemos citar a neurociência comportamental e a neurociência cognitiva. O método utilizado no coaching, através das ferramentas dessa metodologia busca entender e moldar o nosso comportamento.

O conhecimento da neurociência pode ajudar o coach  a melhorar a sua percepção sobre o comportamento e as emoções do seu coachee. E isso pode trazer inúmeros benefícios para potencializar os resultados do processo de coaching.

Aqui no IBND, possuímos diversas formações em coaching e PNL.

Assim, o aluno interessado pode se preparar para conhecer metodologias eficientes de desenvolvimento humano e ter acesso a conhecimentos da área de neurociência para turbinar o seu aprendizado.

Gostou deste artigo? Então, veja mais dicas de coaching e PNL em nosso blog. Agregue conhecimento e conheça as nossas formações!


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 10 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 15 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®