Inspire-se na história da Pepsi-Cola

22/01/2021 às 18:14 Coaching

Inspire-se na história da Pepsi-Cola

Imagine uma bebida com um autêntico sabor de cola, que realmente mata a sede e é perfeita para ser consumida na hora do almoço ou do lanche, além de ser a principal concorrente do refrigerante mais conhecido do mundo. Se você pensou na Pepsi-Cola, parabéns. Essa empresa vem conquistando um número cada vez maior de consumidores, justamente por causa da sua inovação constante. 

Esse post vai te contar a história de sucesso da Pepsi-Cola no mundo. Saiba como essa poderosa secular marca norte-americana se tornou uma das preferências dos consumidores de diversos países e conseguiu se destacar da concorrência. Se você procura uma inspiradora história para ter mais êxito em seus negócios, chegou ao blog certo! Boa leitura.

Pepsi-Cola: 123 anos de sucesso e inovação

A criação da Pepsi-Cola aconteceu nos EUA, em 1898. O renomado farmacêutico Caleb Davis Bradham, que era bastante resiliente, desenvolveu uma bebida feita à base de Cola e a colocou à venda em sua pequena farmácia. Como o sabor era extremamente agradável para os consumidores, a bebida logo se tornou um grande sucesso.

Em 1902, Bradham resolveu investir na expansão do seu negócio, já que o seu refrigerante tinha uma aceitação cada vez maior. Sendo assim, ele registrou a sua patente e começou a investir pesado em marketing, para divulgar ainda mais a sua bebida. Em 1905, a Pepsi-Cola começou a ser vendida em garrafas de 177 ml. As vendas decolaram ainda mais nessa época, por causa da alta procura.

Já em 1906, a Pepsi-Cola já tinha cerca de 15 franquias em todo os EUA e fabricava aproximadamente 150 mil litros da bebida por ano. Em meados de 1908, para otimizar a sua distribuição em todo o país, a Pepsi-Cola inovou e começou a usar veículos motorizados, o que deixou todo o processo muito mais rápido e eficiente.

Situação financeira delicada e mudanças administrativas

A Primeira Guerra Mundial deixou um rastro de destruição na Pepsi-Cola, que quase foi à falência em 1923, já que o custo de produção tinha aumentado bastante. Ciente de que não conseguiria manter sua empresa funcionando, Bradham a vendeu por cerca de 30 mil dólares. Após algumas mudanças administrativas, a marca conseguiu dar a volta por cima e se reerguer no mercado. Era o fim da crise financeira.

Em 1934, a Pepsi-Cola decidiu expandir seus negócios mundo afora. O vizinho Canadá foi o escolhido. E o tiro foi certeiro, pois a aceitação da bebida por adultos e crianças foi assustadora. Por volta de 1938, a Pepsi-Cola resolveu investir um agressivo marketing para se consolidar de vez em todo o mundo. A década de 1940 foi marcada por uma grande expansão da Pepsi-Cola, graças à inovação constante e eficientes campanhas publicitárias.

Em 1953, a Pepsi-Cola chegou ao Brasil e, como era de se esperar, teve uma grande aceitação. Já em 1958, a marca lançou o primeiro dos seus marcantes slogans e continuou a inovar, tanto em suas embalagens quanto no lançamento de diferentes versões da famigerada bebida. Em 1967, acontece o lançamento da garrafa tamanho família, da Pepsi-Cola diet e das famosas latas de alumínio. Cada vez mais, a marca norte-americana se destacava no mercado.

Mais inovação e sucesso garantido

Os anos 1970 foram considerados de ouro para a Pepsi-Cola. Em 1972, a marca foi apresentada aos russos. O lançamento das garrafas de plástico recicláveis e novas versões da bebida foram o estopim para aumentar ainda mais as vendas no restante da década. Mesmo com a presença da gigante rival Coca-Cola, a Pepsi-Cola não se intimidou e continuou a marcar presença constante nos lares americanos.

Na década de 1980, já com uma grande visibilidade no mercado internacional, a Pepsi-Cola continuou inovando no lançamento de versões cada vez mais inusitadas e com sabores diferenciados, o que agradou bastante os consumidores dos países em que era vendida. Para chamar a atenção do público, a Pepsi-Cola fez parcerias com celebridades do cinema e dos esportes, para se consolidar ainda mais.

Já nos anos 1990, a Pepsi-Cola investe no lançamento de cinco novas versões de diferentes sabores, além das tradicionais versões sem açúcar e de baixa caloria, que eram as preferidas de quem não queria ganhar peso. Toda essa inovação foi bastante aceita pelo público, que ser tornou fiel a essa bem conceituada marca de sucesso. Todo empreendedor de sucesso deve ter um bom autoconhecimento.

Mais lançamentos e aumento das vendas

Criatividade é uma das palavras de ordem dentro da Pepsi-Cola, que sempre inovou em seus produtos. Os anos 2000 foram marcados por novos lançamentos de versões ainda mais saborosas e que deixaram esse refrigerante com um sabor inigualável. Entre os anos de 2001 e 2006, nada menos do que 10 novos sabores da Pepsi-Cola foram lançados no mercado mundial, o que fez as vendas aumentarem consideravelmente.

Já entre 2007 e 2009, mais uma dose de inovação com o lançamento de mais quatro novos sabores da Pepsi-Cola, o que acabou conquistando uma boa fatia do mercado de bebidas industrializadas. Versões cada vez mais “saudáveis”, com baixos índices de açúcar e produzidas com ingredientes naturais e selecionados, foram lançadas pela marca.

Entre os anos de 2010 e 2017, mais sete novas versões da Pepsi-Cola foram lançadas no mercado, atestando definitivamente a empresa como sendo uma das preferidas pelos consumidores.  O fato é que a Pepsi-Cola, como seus criativos slogans, marketing eficiente e persuasivo, além de uma inovação constante em seus produtos, marca presença em 85 países e tem um faturamento anual estimado de 15 bilhões de dólares. Inspiração maior do que essa não precisa, certo?

Venha para o IBND

O curso de coaching do IBND é ministrado por profissionais altamente capacitados e com larga experiência no mercado. Aqui, o nosso compromisso é a sua realização como ser humano.

O IBND oferece soluções personalizadas que podem contribuir para o seu sucesso profissional e pessoal. Em nossa instituição, cobramos um preço justo e priorizamos o seu aprendizado. Estamos te esperando!


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK