Feedforward: O que é e como usar essa ferramenta do Coaching?

08/11/2019 às 19:15 Coaching

Feedforward: O que é e como usar essa ferramenta do Coaching?

Existe um conceito muito difundido no ambiente corporativo, estamos falando de feedback. Com toda certeza, você já ouviu essa palavra no trabalho.

O feedback é uma ferramenta essencial para aprimorar competências e acelerar a evolução de qualquer profissional.

Porém, um novo conceito veio potencializar ainda mais os resultados, estamos falando do feedforward.

Entre suas diferenças, o feedback busca apenas olhar para trás e corrigir os erros, o feedforward tem um objetivo e um método diferente, como veremos durante este artigo.

Formação em Coach do Instituto Brasileiro de Neurodesenvolvimento

O que é o conceito de Feedforward?

As diferenças já começam no significado do termo. Como falamos acima, feedback busca olhar para trás, já o feedforward pode ser entendido como um “olhar para a frente”. Isso mostra como os conceitos são diferentes.

O feedforward visa reconhecer as habilidades profissionais de cada um e identificar as habilidades que podem e precisam ser desenvolvidas para o futuro.

Assim, o processo busca acelerar o desenvolvimento profissional, potencializando competências essenciais e transversais para o mercado.

Esse conceito foi criado por Marshall Goldsmith, uma das principais figuras do desenvolvimento pessoal no mundo. Goldsmith foi autor de mais de 30 livros e já treinou mais de 50 mil executivos.

Como coach, Goldsmith aplicou o conceito de feedforward com vários dos principais CEOs do mundo. Isso mostra como esse conceito é eficaz e pode acelerar os resultados profissionais de qualquer indivíduo.

Como aplicar o Feedforward?

Como podemos ver, o feedforward é um conceito que pode ser aplicado dentro do processo de coaching.

E como visa levar o coachee a adquirir o autodesenvolvimento, o primeiro passo é a busca pelo autoconhecimento.

Por isso, o principal fundamento do feedfoward é o diálogo. Nesse processo, o feedforward busca olhar sempre para o futuro.

Não existe momentos no diálogo entre coach e coachee em que eles busquem examinar os fatos do passado. O processo ajuda pessoas a alcançarem o que elas querem ser no futuro.

O processo ocorre por meio de perguntas poderosas feitas pelo coach ao coachee. A intenção é entender quem você quer ser no futuro e o que você é hoje.

Como é o seu trabalho atual? Você se comunica bem? Você conseguir gerir pessoas? Entre outras coisas. Essas são perguntas que fazem o coachee refletir sobre o seu presente e olhar para o futuro.

Formação em Coach do Instituto Brasileiro de Neurodesenvolvimento

Não há volta ao passado! O processo se resume a constatar as suas habilidades atuais e identificar quais habilidades, desenvolvidas ou não, você precisa ter para chegar aonde espera.

Digamos que você espera ser CEO de uma empresa daqui a 10 anos, o feedforward é um excelente processo para te ajudar a conseguir esse objetivo.

As perguntas são bastante diretas quando o objetivo é claro. Por isso, é preciso ter em mente um objetivo futuro.

Assim, será possível identificar o que você precisa potencializar e desenvolver para alcançá-lo dentro de um determinado período.

Conheça a nossa Formação em Coach.

Feedback x Feedforward

Depois de conhecermos melhor como aplicar o conceito de feedforward, vamos entender quais são as principais diferenças entre esse conceito e o conceito de feedback.

Basicamente, o feedback funciona da seguinte maneira: ele olha para o passado. Num exemplo básico, digamos que você seja um colaborador de uma empresa e realizou uma apresentação para clientes hoje.

Depois disso, o seu superior se reúne com você e aponta erros e acertos da sua apresentação. Isso é dar feedback.

O intuito do feedback é fazer pessoas aprenderem com o seu passado. Com o feedback no exemplo dado acima, o colaborador pode não repetir os erros da apresentação anterior e explorar os acertos para melhorar o seu desempenho.

Já o feedforward busca olhar para a frente. Nesse conceito, sempre se olha do presente para o futuro.

Num exemplo básico, digamos que um gestor tenha percebido qualidades e defeitos na apresentação de um colaborador. O intuito dele não é voltar ao passado, mas dar o caminho para o futuro.

Então ele poderia dar dicas como, por exemplo, "você pode desenvolver mais a sua comunicação" e apontar certas falhas.

Assim, o colaborador pode não só melhorar para as próximas apresentações, mas para se tornar um profissional melhor no futuro.

Para resumir, o objetivo do feedback e do feedforward é ajudar pessoas a se desenvolverem. O método para isso é diferente, o feedback foca em momentos do passado e o feedforward no futuro.

Formação em Coach do Instituto Brasileiro de Neurodesenvolvimento

Como o coaching pode me ajudar a potencializar o feedforward?

O feedforward é uma excelente ferramenta para aceleração de resultados e desenvolvimento profissional.

Esse conceito inserido no processo de coaching pode levar a aquisição do autodesenvolvimento, habilidade essencial para uma carreira de sucesso.

O coaching é um processo que busca levar pessoas a se autoconhecerem e se autodesenvolverem.

O foco do processo está em fazer com que os coachees encontrem as respostas em suas próprias experiências. E, com o feedforward, é possível identificar fatores essenciais para o crescimento profissional e pessoal, dependendo dos objetivos.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog.  Conheça a nossa Formação em Coach.

Gostou de nosso post? Compartilhe:

  • DESCONTO DE ATÉ 60%
  • ATÉ 60%
Todos os Direitos Reservados ®