Como lidar com o sentimento de rejeição?

30/12/2020 às 10:43 PNL

Como lidar com o sentimento de rejeição?

É difícil lidar com a rejeição. Desde pequenos aprendemos que devemos buscar ser aceitos. O contato social consiste em fazer amigos, criar vínculos para não sermos sozinhos. Porém, a rejeição sempre surge ao longo da vida, independente da nossa vontade.

A rejeição começa em casa, na própria família, na vontade de querer fazer parte daquele núcleo de pessoas e se estende aos amigos da escola, faculdade, trabalho, academia, entre outros.

Muitas vezes seremos rejeitados ao longo da vida, nem sempre porque as pessoas não nos querem por perto, elas podem apenas estar focada em outra coisa naquele momento.  Por isso é tão importante aprender a lidar com a rejeição. É fundamental entender que em alguns momentos da vida estaremos sozinhos.

O que é a rejeição?

A rejeição tem como base a não aceitação de pessoas. Quando alguém nos deixa de lado, nos repreende, nos sentimos que não somos aceitos e ficam mal por isso. E esse sentimento cresce dentro de nós, o que pode culminar em algo pior como o complexo de rejeição, que é o medo de sermos rejeitados em qualquer situação.  

Temos controle sobre a rejeição?

O primeiro passo para lidar com a rejeição é entender que nem sempre temos controle sobre ela. Também é preciso entender que nem sempre se sentir rejeitado é estar sendo rejeitado. Como falamos, a vida é corrida, muitas vezes pessoas apenas estão focadas em outros assuntos, logo não nos rejeitam, somente estão ocupadas no momento.

Fato é que a maior rejeição que pode existir é a que nós criamos. O complexo de rejeição faz com que tenhamos medo de ser rejeitados. Qualquer situação adversa que fique marcada em nosso subconsciente pode gerar esse medo como ser abandonado pelos pais, se divorciar, terminar um relacionamento, entre outros acontecimentos.

Dito isso, temos de entender que mesmo sem ter controle sobre a rejeição, e que o mais importante é não deixar que este sentimento cresça dentro de nós, que ele nos impunha um medo exacerbado de viver a vida.

Conheça a nossa Formação Practitioner em PNL.

Você também rejeita as pessoas?

Obviamente, é bem fácil notar quando somos rejeitados, mas é preciso parar para refletir o quanto rejeitamos pessoas em nossa vida. Se formos honestos, poderemos reparar que provavelmente causamos este sentimento em outras pessoas.

Entender que também rejeitamos pessoas, mesmo que sem querer, é fundamental para que possamos lidar com este sentimento e conseguir evitar que ele prejudique o nosso desempenho no dia a dia.

Confira abaixo as nossas dicas para lidar com o sentimento da rejeição:

Ressignificar a rejeição

Por conta de situações que acontecem ao longo da vida como um término de relacionamento, por exemplo. Se você termina um relacionamento, isso não significa que ninguém mais o amará, o problema é que muitos assumem isso como se fosse uma verdade por conta do medo de serem rejeitados.

Muitas vezes, a rejeição está ligada a bloqueios e crenças limitantes que acabam limitando o nosso crescimento pessoal e profissional. Então, a nossa primeira dica é ressignificar a rejeição, ou seja, trazer um novo sentido para este sentimento em sua vida.

Ame a si mesmo

O amor próprio é fundamental para lidar com o sentimento da rejeição. O coaching é importante para estimular o autoconhecimento e assim entender o que realmente somos. Essa é a melhor maneira de aprender a si amar do jeito que é, praticando a autoaceitação.

Entender a si mesmo é fundamental para identificar as origens do seu comportamento. Assim, você pode conseguir evitar ou criar gatilhos mentais para lidar melhor com a rejeição. Dessa maneira, você entende o que você sente e se preparar melhor para lidar com este sentimento.

Se perdoe e se aceite!

Dois passos importantes para praticar o amor próprio é se perdoar e aceitar a si como realmente é. Depois do estímulo ao autoconhecimento, é preciso aprender a se perdoar e se aceitar. Isso é fundamental para aumentar a automotivação e a autoconfiança.

Deixe de reviver sentimentos passados, se você passou por um término de relacionamento doloroso, a perda de um ente querido, foi abandonado pelos pais, entre outros acontecimentos é preciso entender que o que passou, já passou.

Isso é bem complicado de início, mas com o tempo, você conseguirá se perdoar e se aceitar. O perdão é a melhor forma de libertação de sentimentos ruins como a rejeição. Nos sentimos mais leves quando perdoamos os nossos próprios erros e aceitamos quem somos.

Experimente fazer uma sessão de coaching

Se você está com dificuldades para lidar com a rejeição, fazer uma sessão de coaching pode ser uma excelente alternativa de aprender a lidar com este sentimento. Esse processo é bastante intenso e o coaching pode lhe ajudar a entender melhor como você se sente e como você pode ressignificar a rejeição em sua vida.

Faça a nossa Formação Practitioner em PNL!

Aqui no IBND possuímos uma Formação em PNL completa. Aprenda os recursos da programação neurolinguística e transforme a sua vida para melhor. Conheça a nossa Formação Practitioner em PNL.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK