Você conhece os benefícios da generosidade?

20/03/2022 às 11:44 Dicas

Você conhece os benefícios da generosidade?

Você conhece os benefícios da generosidade?

Generosidade, palavras que vem do latim generõsus — significando “parente”, “clã” — até meados do século XVI refletia um senso de pertencer a uma linhagem nobre. Ser generoso era literalmente uma forma de dizer que a pessoa pertencia à nobreza. 

Contudo, a partir do século XVII, o uso e significado da palavra começou a mudar. Generosidade passou a identificar uma nobreza de espírito associada à qualidades admiráveis, não mais dependendo da história familiar. 

Desta forma, podemos definir generosidade como a virtude de dar coisas boas aos outros de forma espontânea e plena. 

Mas você sabe quais os benefícios da generosidade para a pessoa que pratica o ato? Será que podemos desenvolver a generosidade? 

Continue acompanhando este conteúdo do Instituto Brasileiro de Neurodesenvolvimento (IBND) para descobrir as respostas a estas perguntas.

Boa leitura!

A ciência da generosidade

Muitas pessoas acreditam que a natureza humana é intrinsecamente egoísta, contudo, nos últimos anos houve um entendimento maior sobre a generosidade. 

Embora estudos sugiram que o ser humano têm mais propensão para o interesse próprio, também relevam que somos uma espécie generosa em decorrência da nossa história evolutiva.

Diversas espécies animais demonstram diferentes formas de generosidade, descritas como um comportamento pró-social. Essas demonstrações entre as espécies, acredita-se, pode uma adaptação que ajuda na sobrevivência delas — e na nossa.

Ademais, muitos estudos mostram níveis consistentes de generosidade entre crianças. A maioria delas, aos três anos, compartilham igualmente as recompensas de uma tarefa colaborativa, mesmo quando poderiam escolher mais para si. 

Generosidade: conheça os principais benefícios

Geralmente, relacionamos os benefícios da generosidade com as pessoas que recebem ajuda. Porém, você acredita que quem pratica atos generosos pode ser ainda mais beneficiado? 

Ao ceder o lugar na fila para uma pessoa idosa, doar roupas que você não usa mais, ser voluntário em prol de alguma causa, etc., estamos fazendo um grande bem a nós mesmos.

A seguir, separamos alguns dos principais benefícios da generosidade. Vamos começar?

  1. Gera bem-estar 

Se você já teve a experiências de separar roupas e objetos para doá-los a quem precisava, busque se lembrar do que você sentiu com esta atitude. Muitas pessoas relatam terem sentido uma incrível sensação de bem-estar e, muito provavelmente, com você também aconteceu a mesma coisa, não é mesmo?

Isso acontece porque seu cérebro envia sinais positivos ao corpo. Desapegar de algo que pode ser útil para outra pessoa te ajuda a se sentir mais feliz consigo mesmo.

  1. Ajuda a construir boas relações interpessoais

Pessoas generosas costumam ser mais gentis e, usando uma frase bastante clichê, gentileza gera gentileza. No ambiente de trabalho, por exemplo, estar disposto a ajudar o colega permite estabelecer vínculos mais fortes. 

Já no âmbito pessoal, pode significar ter uma relação mais amorosa e respeitosa com as pessoas à sua volta.

  1. Fortalece a liderança

Quem de nós nunca sonhou em ter um líder generoso? Esta é a diferença entre chefe e líder. Ao assumir a posição de liderança e demostrar ser generoso, o profissional consegue conquistar o respeito da equipe.

Liderança é algo que deve ser conquistado por meio de atitudes positivas. Lembre-se sempre disso!

  1. Combate o estresse

Quando estamos irritados, nosso corpo potencializa a produção do cortisol (o hormônio do estresse). Já quando ajudamos alguém ou temos qualquer outra atitude generosa, o corpo reduz a produção deste hormônio. 

Portanto, se você quer se sentir mais tranquilo, é interessante pensar em ser generoso!

  1. A generosidade se multiplica

Não tem nada melhor do que ver que uma boa atitude se tornou uma reação em cadeia. E sabe porque isso acontece? Quando somos generosos a tendência é que consigamos influenciar outras pessoas à nossa volta a também serem. 

Assim, quanto mais praticamos ações positivas para outras pessoas, mais ampliamos o alcance da generosidade.

Quer se tornar uma pessoa mais generosa? Algumas atitudes podem ajudá-lo!

  • Considere todos os benefícios listados acima. Isso pode ser importante para que você persista no seu processo de desenvolvimento pessoal;

  • Seja grato. Agradeça pelas pessoas que você ama, pelo que você já tem e até mesmo pelas coisas que deram errado. Ao pensar desta forma, o desejo de compartilhar vem naturalmente; 

  • Um passo de cada vez. Se você nunca doou, por exemplo, comece com valores baixos. O que é pouco para você, pode ser muito para outra pessoa; 

  • Antes de gastar, doe. Não espera para ver o quanto resta do seu próximo salário para determinar o quanto você pode dar. Busque separar uma pequena despesa para atos de generosidade; 

  • Passe mais tempo com pessoas que precisam. Além de ser um ato generoso, conviver com pessoas com vivências diferentes da sua pode abrir muitos horizontes e ampliar sua visão de mundo.

Gostou de saber mais sobre os benefícios da generosidade e como desenvolver esta linda característica pessoal? Compartilhe este conteúdo com outras pessoas para levar essa inspiração adiante e não deixe de seguir o IBND em suas redes sociais!


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK