Seleção de pessoas: conheça a importância dela

08/10/2021 às 23:57 Coaching

Seleção de pessoas: conheça a importância dela

Diante de tanta competitividade no mercado, as empresas precisam contar com profissionais qualificados, motivados e competentes em seu quadro de funcionários. E um dos setores responsáveis por isso é a seleção de pessoas. Elaboramos esse post que vai te mostrar o que é isso, a importância dela para qualquer organização e as técnicas de seleção de pessoas. Se você procura uma boa leitura para começar ou terminar bem o seu dia, acabou de encontrar no blog do IBND. 

O que é seleção de pessoas? 

Podemos dizer que é um minucioso processo que visa identificar, dentre muitos candidatos que foram recrutados, os profissionais que têm perfis compatíveis com os cargos em aberto dentro das organizações. Os profissionais da área de seleção de pessoas precisam ter o amadurecimento necessário para selecionar os talentos que tenham os objetivos alinhados aos da empresa e que podem, de alguma forma, contribuir para que os objetivos sejam alcançados. 

Em suma, a seleção de pessoas tem o objetivo de escolher o profissional que tenha os conhecimentos e habilidades necessárias para executar uma determinada tarefa. A organização não deve errar na escolha, já que todo colaborador cumpre um importante papel para que os resultados sejam satisfatórios no dia a dia. Sem mencionar que a realização de processos seletivos constantes podem demorar um bom tempo, dependendo da complexidade dos mesmos. 

Qual a importância da seleção de pessoas?

É conveniente salientar que a seleção de pessoas sempre deve ser feita por profissionais experientes e qualificados nessa área. Uma seleção realizada às pressas e sem as devidas observações pode trazer prejuízos incalculáveis para uma organização, já que o colaborador selecionado não vai trazer os resultados almejados e não vai desempenhar  a sua função como deveria. 

Uma seleção de pessoas mal feita se traduz em profissionais insatisfeitos com suas funções, maior gasto de dinheiro para a empresa, falhas na execução das tarefas, clientes e fornecedores mal atendidos e, acima de tudo, uma alta rotatividade de pessoal, conhecida por turnover. Por isso, trata-se de um processo extremamente importante para qualquer organização que deseja se manter competitiva. 

Fazer a seleção de pessoas para empresas é uma função que exige uma certa experiência e técnica da parte do profissional. Ou seja, o ingresso de novas pessoas na organização é de responsabilidade deste setor. Selecionar colaboradores que não tenham a mínima afinidade com o cargo e deixam a desejar em algumas competências técnicas e comportamentais, que são exigidas na função, podem colocar tudo a perder. 

Técnicas de seleção de pessoas

No processo de seleção de pessoas podem ser usadas diferentes técnicas que fornecem informações preciosas para que seja feita uma escolha mais assertiva para o cargo em aberto na empresa. Veja quais são elas: 

Entrevista

Nada mais é do que aquela conversa que tem o objetivo de conhecer melhor os candidatos e analisar se os seus objetivos estão alinhados com os propósitos da empresa. Para que a entrevista seja mais produtiva, o entrevistador deve deixar o candidato à vontade para obter as informações relevantes e que, de fato, interessam ao negócio. É preciso ter uma boa capacidade analítica nessa hora. 

Mas fazer uma entrevista exige uma preparação adequada do entrevistador, já que a conversa precisa fluir com a máxima naturalidade, sem limitar ou constranger o candidato. Essa técnica é uma das mais usadas pelas empresas em todo o mundo.

Análise de currículo

Através do currículo é possível obter informações importantes sobre o candidato, já que a sua vida profissional está resumida através desse documento. Mas somente o currículo não é suficiente para saber se o profissional é ou não o mais adequado para preencher a vaga em aberto.

As características comportamentais não podem ser identificadas com uma análise superficial do currículo. Para que haja uma maior assertividade na seleção do candidato ideal para uma vaga em aberto, é recomendado combinar esse método com a entrevista. 

Testes psicológicos

Eles também são bastante comuns na seleção de pessoas. Trata-se de uma metodologia que tem o objetivo de identificar as habilidades comportamentais mais evidentes do candidato e se elas são compatíveis com as exigências do cargo em aberto. Os aspectos motivacionais e de interesse também podem ser amplamente avaliados.

Os testes psicológicos são usados para avaliar o perfil intelectual dos candidatos e as principais características da sua personalidade. Todas as aptidões individuais são importantes e precisam estar em evidência nessa hora. Afinal de contas, toda a parte psicológica precisa estar dentro dos limites da normalidade. 

Técnicas vivenciais

Apesar de não serem tão comuns, as técnicas vivenciais também são importantes para que haja uma seleção de pessoas bem mais assertiva. São atividades que envolvem uma situação profissional hipotética que precisa ser solucionada pelos candidatos, como se já estivessem trabalhando na empresa. 

As técnicas vivenciais também são conhecidas como provas situacionais ou dinâmica de grupo. As provas situacionais estão  relacionadas com as tarefas pertinentes ao cargo em aberto, em que o candidato precisa provar que sabe executar uma atividade específica. Já a famosa dinâmica de grupo nada mais é do que testar as reações dos candidatos perante uma determinada situação do cotidiano dentro do ambiente de trabalho. 

O fato é que a seleção de pessoas, assim como recrutamento, é extremamente importante para que uma organização alcance a prosperidade e os resultados desejados. 

Venha para o IBND

O curso de coaching do IBND é ministrado por profissionais altamente capacitados e com larga experiência no mercado. Aqui, o nosso compromisso é a sua realização como ser humano.

O IBND oferece soluções personalizadas que podem contribuir para o seu sucesso profissional e pessoal. Em nossa instituição, cobramos um preço justo e priorizamos o seu aprendizado. Estamos te esperando!

 


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK