Pirâmide de necessidades de Maslow

12/08/2021 às 19:55 Hipnose

Pirâmide de necessidades de Maslow

Todo mundo sabe quando uma necessidade não está sendo suprida, mas nem todos sabem disso antes da hora do desespero. Quer saber mais sobre as suas necessidades? Então dá uma olhada!

Quem foi Maslow?

Abraham Maslow, criador da “Teoria da motivação humana” em 1943 foi um psicólogo americano nascido em Nova Iorque, em 1 de abril de 1908. Ficou mais conhecido pela pirâmide de hierarquia das necessidades. Era o mais velho de sete irmãos, fazendo parte de uma família judia no Brooklyn, bairro de Nova Iorque, além de ter trabalhado no MIT e fundado o centro de pesquisa National Laboratories for Group Dynamics. Faleceu em 8 de junho de 1970.

Pirâmide de necessidades de Maslow

Em meados de 1940, Abraham Maslow anuncia sua teoria sobre motivação, tendo como base suas observações como psicólogo, a partir das quais fundamentou a Teoria das Necessidades. Segundo ele, praticamente todas as teorias históricas e contemporâneas de motivação se unem na consideração das necessidades, impulsos e estados motivadores. Assim, a necessidade seria a fonte de energia das motivações existentes no interior das pessoas. Dessa forma, a necessidade é a privação de certas satisfações.

Maslow sugere que a vida motivacional pode ser descrita como uma escalada por diferentes níveis de uma pirâmide que estrutura as necessidades dadas em cada faixa etária, as quais, quando não supridas, podem dar surgimento a psicopatologias.

Por conclusão, um indivíduo só sente o desejo de satisfazer a necessidade de um próximo estágio se a do nível anterior estiver sanada, portanto, a motivação para realizar estes desejos vem de forma gradual.

Tipos de necessidades

Segundo Maslow, as necessidades humanas são classificadas em cinco categorias principais: fisiológicas, segurança, afiliação (pertencimento), estima e autorrealização. Tais necessidades surgem sequencialmente, desenvolvendo-se desde o nascimento até a idade adulta. Dessa forma, o alicerce da pirâmide hierárquica (por exemplo, as necessidades fisiológicas) possuem maior prevalência no início do desenvolvimento, se comparadas àquelas necessidades mais elevadas na hierarquia (por exemplo, a autorrealização). Estima-se que quanto maior o grau de satisfação das necessidades, maior a saúde mental e a qualidade de vida do indivíduo. Veja detalhadamente cada tipo de necessidade:

  1. Necessidades fisiológicas: são a base da pirâmide de necessidades, surgindo desde o início do desenvolvimento humano. Pode ser definida com a ausência de substâncias químicas e nutrientes para o organismo, ou em razão de condições ambientais adversas que podem colocar o corpo em risco, a exemplo do frio extremo.
  2. Necessidade de segurança: é fundamental para garantir a sobrevivência dos seres humanos, sendo definida como a falta de proteção. Pode ser observada quando ocorre uma reação ao perigo evidente e a estímulos ameaçadores, sendo esta reação considerada instintiva
  3. Necessidade de afiliação: não é considerada por Maslow como fundamental para a sobrevivência do indivíduo; no caso, refere-se às relações interpessoais, ao sentimento de pertença a grupos sociais e às díades íntimas em que existe a preocupação afetiva mútua.
  4. Necessidade de estima: pode ser dividida em dois componentes: estima de si e a estima recebida dos outros. O primeiro está relacionado com o respeito que a pessoa atribui para si mesmo, o mérito de suas conquistas e a dignidade de sua vida. O segundo, diz respeito ao desejo de boa reputação, status, dominância e glória recebida dos outros. Em geral, a necessidade de estima se torna saliente quando ocorre falta de respeito de si mesmo e/ou a falta de respeito que o indivíduo recebe de outras pessoas.
  5. Necessidade de autorrealização: é o nível mais elevado na hierarquia das necessidades, representando a tendência de as pessoas se tornarem aquilo que potencialmente estão destinadas a ser. Dessa forma, implica realizar suas capacidades e seus talentos, cumprindo com suas vocações. Podem ser identificadas como características de pessoas autorrealizadas a espontaneidade, a criatividade, a autonomia e a resistência à doutrinação; destacam-se, ainda, a identificação com a espécie humana como um todo e a maior aceitação de si mesmo, dos outros e da natureza.

Maslow e motivação

O estudo das necessidades humanas se insere no contexto das terapias motivacionais, onde se busca modelos que variam segundo o contexto e a área de atuação (clínica, educacional, organizacional). A proposta de Maslow apresentou uma teoria que pressupunha uma hierarquia das necessidades, a qual obteve impacto destacado na Psicologia. Embora a relevância da teoria, esta não permaneceu imune a críticas, por exemplo, acerca da organização hierárquica das necessidades ou o fato de ter sido desenvolvida em um contexto cultural específico, ou seja, dos Estados Unidos, considerando uma perspectiva eminentemente clínica.

Para o autor, apenas as necessidades que não são satisfeitas atuam como força motivadora. Quando a necessidade é gratificada ou atendida, a necessidade consecutiva na hierarquia passa a determinar o comportamento do indivíduo. A gratificação de uma necessidade muda os processos cognitivos, bem como as atitudes e avaliação de objetos e situações.

Sistema de necessidades

O sistema de necessidades é influenciado por duas forças: a privação e a gratificação. A primeira pode ser entendida como a falta de satisfação de uma necessidade específica e conduz à prevalência de comportamentos do indivíduo para satisfazê-la, ou seja, o desempenho acaba sendo motivado por elas. Já a gratificação de uma necessidade faz com que aquela de um nível superior assuma importância, suscitando a dominância de outros comportamentos no indivíduo para satisfazê-la. Dessa forma, a pirâmide de necessidades de Maslow é uma forma de entender em quais momentos e quais necessidades priorizar, rumo ao desenvolvimento pessoal.

E você, ficou interessado em conhecer novas abordagens em saúde? Aprenda Hipnose Clínica sem sair de casa!

Terapeuta e hipnólogo, você busca uma ferramenta para potencializar os resultados com seus pacientes e, assim, gerar mais satisfação? Deseja ressignificar fobias e traumas? Quer utilizar os recursos da mente a seu favor? Faça nosso curso de hipnose online!

Referências:

CAVALCANTI, T.M. et al. Hierarquia das necessidades de Maslow: validação de um instrumento. Psicol. Ciênc. Prof. 2019;39.

FERREIRA, A. et al. A teoria das necessidades de Maslow: a influência do nível educacional sobre a sua percepção no ambiente de trabalho. SemeAD. 210.

SAMPAIO, J.R. O Maslow desconhecido: uma revisão de seus principais trabalhos sobre motivação. RAUSP. 2009;44(1).


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK