O que é qualidade de vida?

23/05/2021 às 16:44 Hipnose

O que é qualidade de vida?

Você, de vez em quando, repensa toda sua vida? Será que ela está valendo a pena? Sabia que ter uma vida de qualidade pode ter impacto sobre a sua saúde? Dá uma olhada!

O que é qualidade de vida?

A qualidade de vida é um conceito que busca capturar o bem-estar, seja de um indivíduo ou uma população, no que diz respeito a ambos os elementos positivos e negativos dentro da completude de suas existências em um ponto específico do tempo. Ou seja, é uma forma de entender como o indivíduo avalia a própria vida e como isso pode impactar a sua vida, em especial, a sua saúde. A Organização Mundial de Saúde (OMS) traz uma definição de qualidade de vida como a percepção do indivíduo acerca de sua realidade e suas metas observadas a partir das lentes de sua cultura e sistema de valores. O indivíduo passa a se questionar o quanto está aproveitando as oportunidades de sua vida.

A qualidade de vida também pode ser definida como a congruência entre as aspirações e conquistas, a partir do ponto de vista do indivíduo envolvido. É uma medida de satisfação de vida, felicidade e dos elementos positivos e negativos que afetam essa categoria.

Pesquisas

Durante as últimas décadas, a mensuração da qualidade de vida por instrumentos validados têm crescido nas pesquisas. O foco é entender a importância da qualidade de vida para melhorar o alívio de sintomas, o cuidado e a reabilitação de pacientes. Os problemas apontados por essas avaliações da qualidade de vida podem determinar modificações e melhorias nos tratamentos e no cuidado de saúde, agindo em benefício das demais terapias. A qualidade de vida é um dos fatores preditores para o sucesso de tratamentos.

Diversos testes e instrumentos foram desenvolvidos para mensurar a qualidade de vida. Para chegar a pontuação que avalia a qualidade de vida, são usar por exemplo, o questionamento dos residentes do país acerca do seu nível de felicidade com relação a seis fatores: Produto Interno Bruto (PIB), expectativa de vida, suporte social, liberdade para fazer escolhas, generosidade e percepção da corrupção. A Finlândia foi eleto o país mais feliz do mundo pelo quarto ano seguido, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU). Já o Brasil caiu três posições e ocupa atualmente a 35ª posição.

Qualidade de vida relacionada à saúde

O termo relacionado aos aspectos de saúde da qualidade de vida geralmente é considerado diminuir o impacto da doença e os efeitos colaterais da doença no que diz respeito às consequências da percepção do paciente acerca de sua doença, na busca por viver uma vida significativa. Expressões como “status de saúde” ou “saúde percebida” demonstra a importância clínica de como as pessoas percebem suas vidas. A partir de uma consciência de que doença não é apenas a ausência de doenças, e que fatores ambientais podem afetar nossa saúde, a saúde percebida pode demonstrar quais fatores estão mantendo esses status, sejam eles positivos ou negativos.

Dentre os aspectos de saúde que podem ser impactados pela qualidade de vida, temos:

1. Saúde física: sensações somáticas, sintomas de doenças, efeitos colaterais de medicamentos.

2. Saúde mental: indo desde noções positivas de bem estar até formas não patológicas.

3. Saúde social: incluindo avaliações quantitativas e qualitativas dos aspectos sociais dos contatos e interações.

4. Saúde funcional: incluindo ambos funcionamento no sentido de autocuidado, mobilidade, atividade física e papéis sociais em relação à família e ao trabalho.

A doença afeta a qualidade por duas razões. A primeira é que diminui a expectativa de vida, ou seja, a pessoa com alguns diagnósticos pode morrer prematuramente. A segunda é que doenças podem causar disfunções, bem como sintomas, que levam a deficiências na performance individual das tarefas diárias da vida.

Como aumentar a sua qualidade de vida?

A Organização Mundial da Saúde definiu uma escala para avaliação da qualidade de vida e maior autoconhecimento. Além de questionar sobre o seu sexo, gênero, ano de nascimento, status marital e doenças atualmente, a escala propõe algumas perguntas que podemos nos questionar para avaliar nossa qualidade de vida. Vamos ver algumas delas:

  • Você tem o suporte que precisa das outras pessoas?
  • Quão satisfeito você está com sua saúde?
  • Você sente dores físicas que impedem de realizar atividades?
  • Quanto você precisa de ajuda médica para funcionar no seu dia a dia?
  • Quanto você aproveita a vida?
  • Até que ponto você sente que sua vida é significativa?
  • Quão bem você consegue se concentrar?
  • Quão seguro você se sente em sua vida diária?
  • Quão saudável é seu ambiente físico?
  • Você tem energia para a vida diária?
  • Você é capaz de aceitar sua aparência corporal?
  • Você tem dinheiro suficiente para suas necessidades?
  • Você tem a informação que precisa para o seu dia a dia?
  • Até que ponto você tem oportunidades de lazer?
  • Quão bem você consegue transitar e se mover?
  • Quão satisfeito você está com sua capacidade para atuar nas diversas atividades diárias?
  • Quão satisfeito você está sobre sua capacidade para trabalhar?
  • Quão satisfeito você está consigo mesmo?
  • Quanto de suporte você recebe de seus amigos?
  • Quão satisfeito você está com seu acesso à saúde?
  • Quão satisfeito você está com suas condições de vida e transporte?
  • Com qual frequência tem sentimentos negativos, como humor deprimido ou ansiedade?

Muitas são as perguntas que se pode fazer para esclarecer como está a sua satisfação com a vida. A partir das respostas, é possível identificar quais áreas da vida precisam de atualização e maior desenvolvimento. Buscar melhores condições de vida é fundamental para a pessoa com a qualidade de vida prejudicada, pois isso pode promover uma série de doenças. Caso identifique que sua qualidade de vida está baixa e precisa de ajuda para superar essas dificuldades, procure um profissional da saúde e de terapias complementares, como um hipnólogo ou psicanalista e trabalhe para ser uma pessoa resiliente.

E você, ficou interessado em saber os múltiplos fatores que implicam em saúde? Aprenda Hipnose Clínica sem sair de casa!

Terapeuta e hipnólogo, você busca uma ferramenta para potencializar os resultados com seus pacientes e, assim, gerar mais satisfação? Deseja ressignificar fobias e traumas? Quer utilizar os recursos da mente a seu favor? Faça nosso curso de hipnose online!

Referências:

HARALDSTAD, K. et al. A systematic review of quality of life research in medicine and health. Quality of Life Research. 2019.

MARCEL, W.M. Definitions of quality of life: what has happened and how to move on. Top Cord. Inj. Rehabil. 2014;20(3).

ROGERSON, R.J. Environmental and health-related quality of life: conceptual and methodological similarities. Soc. Sci. Med. 1995;41(10).

SOSNOWSKI, R. et al. Basic isses concerning health-related quality of life. Cent. European J Urol. 2017;70.

TEOLI, D. & BHARDWAJ, A. Quality of life. StatPearls. 2020.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK