Conheça tudo sobre o empreendedorismo feminino

25/05/2021 às 19:37 PNL

Conheça tudo sobre o empreendedorismo feminino

Quando uma pessoa vai empreender, ela precisa ter em mente que vai encarar os mais variados obstáculos e precisa ter muita resiliência para superar as dificuldades, que não são poucas. Mas quando o assunto é empreendedorismo feminino, tudo isso pode ganhar uma nova projeção. Esse artigo vai falar sobre esse importante tema, que é massivamente discutido em nossa sociedade, bem como os desafios que as empreendedoras precisam superar. Aproveite a leitura ao máximo. 

O que é empreendedorismo feminino?

Nada mais é do que um conceito que representa todas as mulheres que estão na frente dos seus próprios negócios, dos mais variados tamanhos e segmentos de mercado. A ONU definiu o dia 19 de novembro como sendo o dia do empreendedorismo feminino em todo o mundo. 

São diversas as razões que levam as mulheres a empreender, mas uma delas merece destaque: o reconhecimento profissional. Muitas empreendedoras acabaram ganhando uma enorme visibilidade no mercado por causa dos seus negócios e das estratégias usadas por elas para se consolidar, mesmo perante a concorrência. Não é raro ver empresas capitaneadas por mulheres fazerem sucesso.

A mulher que está à frente dos negócios pode fortalecer a economia em geral, impulsionar a abertura de novas frentes de trabalho, contribuir para o aumento do desenvolvimento sustentável e uma considerável melhora da qualidade de vida de uma população. Por isso, o empreendedorismo feminino está em alta. 

Desafios enfrentados pelas mulheres empreendedoras

Mesmo com o crescente número de mulheres que se tornam donas dos seus próprios negócios, o cenário empreendedor muitas vezes não é tão favorável para elas. Conheça os 5 principais desafios que as empreendedoras precisam superar:

Poucas oportunidades de crédito

Infelizmente, no Brasil, as mulheres empreendedoras ainda encontram poucas oportunidades de crédito no mercado. Quando conseguem, o valor médio do empréstimo concedido é bem menor, quando comparado aos empreendedores homens. 

A grande questão é que o acesso a financiamentos é muito mais restrito às mulheres, o que dificulta o começo de um negócio, justamente na hora em que os recursos financeiros são necessários. 

Dificuldades de equilibrar vida profissional e pessoal

Outro desafio para as mulheres empreendedoras. Conciliar a vida profissional e pessoal nem sempre é possível, já que a mulher precisa dar conta das tarefas de casa, cuidar dos filhos, dar atenção ao marido e, ainda por cima, administrar o seu negócio. 

E essa gestão do tempo pode ser complexa de se fazer. Muitas vezes, algumas mulheres empreendedoras até conseguem conciliar a vida pessoal com a profissional, mas com muito malabarismo e resiliência. De qualquer forma, para a maioria delas, esse é um desafio e tanto. 

Preconceitos

Por incrível que pareça, o empreendedorismo feminino precisa vencer a barreira do preconceito. Muita gente ainda não deposita a confiança necessária em um negócio cujo a proprietária é uma mulher, por mais competente que ela seja. 

Muitas mulheres empreendedoras ainda são julgadas com mais severidade pelo trabalho que exercem, quando comparadas aos homens. E isso, com o passar do tempo, pode afetar a confiança feminina e prejudicar todo o negócio, sem a mínima necessidade. 

Menor faturamento

Esse desafio enfrentado pelo empreendedorismo feminino pode estar ligado a uma questão cultural. O faturamento médio das empresas que são chefiadas por mulheres chega a ser 22% menor, segundo o SEBRAE. A falta de afinidade delas em áreas como finanças, por exemplo, pode contribuir para que isso aconteça. 

Muitas empreendedoras ainda não têm acesso a todos os modernos recursos responsáveis pela transformação digital. Ou seja, as planilhas e blocos de papel ainda ocupam espaço nas salas de muitas empresas chefiadas por mulheres, que simplesmente não conhecem os softwares de gestão. 

Insegurança constante

Mais um desafio para as mulheres empreendedoras. Muitas delas ainda têm falta de confiança, insegurança e medo do fracasso, quando estão empreendendo. Mesmo que isso seja absolutamente normal em todas as pessoas, em diversas mulheres, esses sentimentos são mais evidentes. 

Mesmo que sejam profissionais competentes e estejam fazendo tudo conforme deveriam, muitas empreendedoras vivem constantemente apreensivas e com medo do negócio fechar as portas por causa de uma má administração por parte delas. E essa insegurança precisa acabar, o mais depressa possível.  

Quais são as qualidades das mulheres empreendedoras?

Conheça as principais características das mulheres que optaram por empreender e procure desenvolvê-las, caso esteja pensando em fazer parte do empreendedorismo feminino:

Elas são melhores líderes/gestoras

Mulheres podem ser tão ou até mais eficientes do que os homens, no que diz respeito à liderança. Elas pensam mais antes de tomar decisões, compreendem melhor as necessidades do seus colaboradores e prezam mais pela integridade de toda a empresa. 

Elas conseguem dar mais motivação para sua equipe

As empreendedoras são melhores ouvintes, mais engajadas, acolhedoras e lidam bem com emoções alheias. E tudo isso dá mais motivação para toda sua equipe de trabalho no dia a dia.

Elas são bem mais atentas aos detalhes

Que as mulheres são bem mais observadoras do que os homens, ninguém duvida. E no empreendedorismo feminino, isso se torna um amuleto da sorte, já que a capacidade de observação delas em relação aos mínimos detalhes, pode fazer uma grande diferença positiva em todo o negócio. 

Elas têm mais resiliência no dia a dia

Mulheres conseguem superar os imprevistos do cotidiano muito melhor do que os homens. Geralmente, elas são mais pacientes, perseverantes e têm mais resiliência do que as pessoas do sexo masculino. E tais qualidades no mundo dos negócios são essenciais. 

Agora que você conheceu mais sobre o empreendedorismo feminino, chegou a hora de se dedicar ao máximo em sua empresa e prosperar no mercado. Boa sorte! 

Venha para o IBND

O curso de coaching do IBND é ministrado por profissionais altamente capacitados e com larga experiência no mercado. Aqui, o nosso compromisso é a sua realização como ser humano.

O IBND oferece soluções personalizadas que podem contribuir para o seu sucesso profissional e pessoal. Em nossa instituição, cobramos um preço justo e priorizamos o seu aprendizado. Estamos te esperando!

 


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 12 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 18 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK