Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

OK

Como identificar soft skills em candidatos num processo seletivo

19/09/2020 às 16:17 Coaching

Como identificar soft skills em candidatos num processo seletivo

O trabalho no mundo atual se modificou bastante em relação ao que vivíamos no fim do século passado. Hoje em dia, as empresas não buscam apenas por profissionais com habilidades técnicas, elas buscam por pessoas que possuam as chamadas “soft skills”.

Estas pessoas possuem habilidades que lhes ajudam a ter equilíbrio emocional para trabalhar sob pressão, conviver bem com o trabalho em grupo e ser mais produtivo. As “soft skills” também podem ser chamadas de “competências emocionais” e são qualidades fundamentais para ter uma carreira de sucesso.

O que são soft skills?

As soft skills ou competências emocionais são habilidades e características pessoais de cada indivíduo. Estas habilidades os tornam aptos a conviverem melhor no ambiente de trabalho em todos os sentidos. Colaboradores com essas competências são fundamentais para manter um ambiente de trabalho harmônico e agradável.

Essas pessoas possuem habilidades importantes como a inteligência emocional, por exemplo, que é bastante requisitada atualmente em qualquer processo seletivo. E através do equilíbrio emocional que possuem, conseguem ter um relacionamento mais saudável e uma rotina mais produtiva.

Além da inteligência emocional, outros soft skills muito importantes e bastante buscadas em processos seletivos são a aptidão para liderança, poder de persuasão, poder de comunicação, capacidade de trabalhar em equipe, entre outras.

Com o passar do tempo, as empresas entenderam que contratar profissionais apenas por habilidades técnicas não funcionava. Trazia até resultados, mas tornava o ambiente interno de trabalho insuportável.

Geralmente, os profissionais que não desenvolvem soft skills não conseguem lidar bem com rotina, são mais fechados e não conseguem se comunicar no ambiente de trabalho. Eles também acabam sendo menos produtivos, principalmente, em momentos de pressão no dia a dia.

Por isso, as empresas vêm mudando o teor de seus processos seletivos e buscando cada vez mais profissionais que se demonstrem equilibrados emocionalmente. Estes profissionais saem na frente na concorrência por novas vagas no mercado de trabalho.

Quer saber mais sobre o que são as soft skills? Leia esse nosso artigo e saiba ainda mais!

Como identificar soft skills durante um processo seletivo?

Muitos recrutadores ainda encontram dificuldades para identificar soft skills durante um processo seletivo. Pensando nisso, fizemos este artigo para lhe ajudar a entender, quais ações você pode aplicar no recrutamento para facilitar a identificação de competências emocionais nos candidatos. Confira as nossas dicas abaixo:

Defina as principais habilidades necessárias para cada cargo

O primeiro passo antes de abrir um processo seletivo é definir quais são as principais habilidades que cada função da sua empresa pede. Cada cargo tem necessidades diferentes, precisa de profissionais que atuem de formas diferentes.

Obviamente, existirão características em comum entre os profissionais, mas você encontrará habilidades diferentes que são relevantes para cada cargo de sua empresa. Liste todas as hard skills (habilidades técnicas) e soft skills necessárias para que o profissional consiga desempenhar o cargo em sua plenitude.

Isso facilitará, inclusive, que você avalie os profissionais que já são contratados da sua empresa. Assim, você pode notar se o desempenho deles é satisfatório e o que falta para que eles sejam os profissionais ideais para o cargo.

Voltando ao processo seletivo, depois de definir as skills necessárias para cada cargo, ficará muito mais fácil, identificar soft skills nos candidatos ao longo do recrutamento. Agora, você já sabe o que o profissional precisa ter para assumir a vaga.

Conheça a nossa Formação em Coach.

Perguntas estratégicas durante as entrevistas

Conte com a ajuda de um psicólogo ou coach voltado ao setor de Recursos Humanos para montar uma lista de perguntas estratégicas para cada processo seletivo do seu negócio. Dessa maneira, nas próximas entrevistas, você terá em mãos as perguntas certas para descobrir um pouco mais sobre as soft skills de cada candidato.

Se ficar complicado criar perguntas estratégicas, busque por testes disponíveis na internet. Eles podem lhe ajudar a entender as competências emocionais que um profissional possui por meio da avaliação de suas respostas.

Invista em dinâmicas de grupo

As dinâmicas de grupo são atividades já bastante populares em processos seletivos. Então, use-as sem moderação. Elas são importantes, por isso são sempre aplicadas nas fases finais de um processo seletivo.

O objetivo da dinâmica sempre deve ser simular o dia a dia de trabalho. Monte dinâmicas que coloquem os candidatos para trabalhar juntos por alguns minutos, faça com que eles se juntem para apresentar ideias para a empresa ou possam desenvolver algo rápido.

Dessa forma, você consegue identificar mais facilmente soft skills muito importantes para a maioria dos cargos, como por exemplo, identificar o candidato com mais aptidão a liderança, os candidatos com poder de comunicação e persuasão e aqueles que conseguem trabalhar bem em equipe e lidar com a pressão do trabalho.

Faça a nossa Formação em Coach!

Aqui no IBND possuímos uma Formação de Coaching completa com certificação internacional. Nosso método de ensino visa aprimorar o ensino de todos os recursos de uma das mais eficientes metodologias de desenvolvimento humano do mundo. Conheça a nossa Formação em Coach.

Gostou? Confira mais dicas em nosso blog.


Conheça mais:

Rodrigo Huback

Rodrigo Huback Head Trainer de Practitioner PNL, Master PNL, Método B2S e Hipnose Clínica

Mais de 10 anos dedicados ao desenvolvimento humano; Mais de 15 anos empreendendo em alta performance; Pedagogo; Master Trainer em PNL; Master Trainer em Coach; Membro Trainer de Excelência na NLPEA; Membro Trainer da ANLP; Trainer Comportamental; Hipnoterapeuta.


Gostou de nosso post? Compartilhe:


Todos os Direitos Reservados ®